Bauhaus

POR: Susane Raiter

Em 1919 surgia na Alemanha uma escola de arte, design e arquitetura que viria a transformar definitivamente o mundo. Considerada por especialistas a primeira escola de design do mundo e o berço da Arquitetura modernista, a Bauhaus foi, sem dúvida, responsável por uma revolução estética mundial. 

A escola, fundada por Walter Gropius em 12 de abril de 1919, completa 100 anos de história nesse ano e diversas fabricantes internacionais de móveis estão homenageando a Escola com relançamentos de produtos clássicos, exposições e eventos. 

Fachada do edifício da Escola Bauhaus de Dessau

A Bauhaus surgiu como uma escola combinada de arquitetura, artesanato e uma academia de artes na cidade alemã de Weimar, visando atender as necessidades de uma população carente de moradias, procurou estabelecer planos para a construção de casas populares baratas. Em 1925 a escola mudou-se para Dessau, o local onde a escola construiu o seu prédio baseado nos preceitos da escola. Uma nova mudança ocorreu em 1932, para Berlim, devido à perseguição do recém-implantado governo nazista. Em 1933, após uma série de perseguições por parte do governo nazista, a Bauhaus é fechada. 

É incrível perceber que em seus 15 anos de existência a Bauhaus provocou um impacto fundamental no desenvolvimento das artes e da arquitetura do ocidente europeu, e também dos Estados Unidos, Israel e Brasil nas décadas seguintes – para onde se encaminharam muitos artistas exilados pelo regime nazista. A Cidade Branca de Tel Aviv, em Israel, que contém um dos maiores espólios de arquitetura Bauhaus em todo o mundo, foi classificada como Património Mundial em 2003. A escola Bauhaus também influenciou imensamente a América do Sul, tendo como seu principal representante o arquiteto Oscar Niemeyer. A jovem capital brasileira, Brasília, foi projetada em 1957 sob as tendências modernistas e funcionalistas inauguradas pelo bauhasianismo. Todo o plano-piloto, incluindo tanto os edifícios residenciais quanto as construções públicas, são exemplos e ícones desta arte, em sua excelência.

O principal campo de estudos da Bauhaus era a arquitetura (como fica implícito até pelo seu nome), mas provavelmente foi com o design que a escola ficou ainda mais conhecida.

Grandes nomes do design como Ludwig Mies Van Der Rohe, Marcel Breuer, Marianne Brand entre outros possuem produtos consagrados até os dias de hoje. Além de toda a produção gerada durante o período de existência da escola, o maior legado da Bauhaus consiste na influência proporcionada por sua produção teórica e seus fundamentos, que são levados em conta pelos designers e arquitetos até os dias de hoje.

Poltrona Wassily ou Modelo B3- design de Marcel Breuer

Bauhaus Lamp ou Lâmpada MT8 de William Wagenfeld e Carl Jakob Jucker  

Poltrona Barcelona – design de Mies van der Rohe

 

Share this Post

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*